Capitalização e Previdência Complementar. A prática da poupança através do mercado de seguros

Compartilhar no facebook
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

Seguindo a tendência mundial, fatores como aumento da longevidade, redução da natalidade e contração dos ganhos financeiros tem contribuído para que, cada vez mais, as pessoas despertem para a necessidade de estar preparadas para garantir um padrão de vida razoável em sua aposentadoria.
Desenvolver a educação financeira e disponibilizar mecanismos para que a população os experimente, buscando garantir condições financeiras apropriadas às suas necessidades, não só é uma meta do Estado quanto uma atividade ao alcance da indústria de seguros.

No que concerne ao universo dos seguros, a Capitalização e a Previdência Privada são instrumentos acessíveis à população em geral, podendo auxiliar tanto na aprendizagem do hábito de poupar, quanto na necessária educação financeira para minimizar impactos negativos futuros na vida das pessoas.
Uma das formas mais simples de introdução à educação financeira, o título de capitalização é um documento de crédito negociado por empresas de capitalização, que forma uma aplicação passível de resgate, mas tendo também podendo ter agregado um sorteio.

Ao fim do plano, ou após o período de carência, dependendo da modalidade do título adquirido (Tradicional, Conta Programada, Popular ou Incentivo), o adquirente do título terá direito ao resgate da parte capitalizada.
Mais do que uma forma de educação financeira ou investimento com sorteio, os títulos de capitalização fazem parte da cultura popular, seja como instrumento de introdução à formação de poupança ou agregando valor a outros tipos de seguros e variados tipos de negócios.

Nos primeiros oito meses de 2013 o segmento de capitalização, segundo a FenaCap, cresceu 27,1% em relação ao mesmo período do ano anterior, arrecadando R$13,54 bilhões.
Considerando a progressiva queda dos valores garantidos pela previdência pública (que em 2012 acumulou déficit de R$ 42,3 bilhões) e a conscientização da maior parte da população, quanto à necessidade de se preparar para a aposentadoria, o futuro da maioria dos brasileiros corre sérios riscos.

Segundos estudos da LIMRA, pesquisas apontam que 41% das pessoas do país não se sentem financeiramente preparados para se aposentar, 29% não pensam no assunto e apenas 30% dizem estar prontos para o futuro.
Se considerarmos que a expectativa de sobrevivência do brasileiro médio está acima de 73 anos, o desafio da manutenção do padrão de vida na fase de aposentadoria, para a maioria das pessoas, é bem grande.
É neste ambiente que os planos de previdência privada (ou complementar) estão se desenvolvendo e cumprindo seu importante papel de auxílio à manutenção da estabilidade financeira da população.

Segundo dados da FenaPrevi, o universo de beneficiários abrange 13 milhões de planos, com reservas da ordem de R$ 350 bilhões, apontando crescimento de 11,7% quando comparado o primeiro semestre de 2013 com 2012.
Com planos orientados especificamente ao acesso futuro do valor acumulado capitalizado, seja na forma de parcelas ou de seu valor integral, pela vida inteira ou por prazo certo, a estabilidade econômica do sistema financeiro do país e a segurança de regras claras e inalteráveis para regência dos planos de previdência oferecidos pelas entidades autorizadas a operá-los, é essencial para que haja confiança nos adquirentes destes produtos, propiciando a estes e ao próprio sistema econômico, um futuro mais tranquilo.
Embora percorram caminhos distintos, tanto a capitalização quanto a previdência complementar possuem objetivos similares e, neste sentido mutuamente cooperam entre si e com a sociedade para criar hábitos economicamente desejáveis, estimulando o circulo virtuoso da economia e podendo tornar o futuro mais seguro.

Dilmo Bantim Moreira
Presidente do CVG/SP, Diretor de Relacionamento com o segmento de Previdência Privada e Vida da ANSP, atuário, membro da Comissão Técnica de Produtos de Risco da FENAPREVI, instrutor em seguros de Riscos Pessoais e colunista em mídias securitárias.
Rogani

Rogani

Corretora de Seguros

Sobre

Contamos com uma equipe de profissionais especializados no mercado de seguros, oferecendo um atendimento personalizado, para tirar dúvidas e atender suas necessidades. Garantindo sua tranqüilidade na hora em que você mais precisa.

Além de disponibilizar uma gama de serviços temos parceria com as melhores seguradoras do mercado. Nosso trabalho se baseia na redução de custos, qualidade técnica, rapidez no atendimento tanto na contratação, bem como na regulação e liquidação de sinistros.:

Últimos Posts

Segue a Gente

Conheça a Empresa

Gostaria de Receber Informações sobre Seguro?

Cadastre-se e receba dicas e informações no seu e-mail